terça-feira, 1 de novembro de 2011

A ABSOLVIÇÃO PELA LEI DO ESPÍRITO

Romanos 8:1-9

Esta separação dos capítulos 7 e 8 muitas vezes confunde o leitor desatento. A expressão “Portanto”, ou “pois” em outras traduções, reflete a continuidade do assunto que Paulo está mantendo. O apóstolo está mostrando que o pecado, embora continue nos cirandando, e algumas vezes nos derrube, não tem poder mais para nos condenar. Alguns, como Stott, acreditam que a expressão “portanto” refere-se a toda argumentação que teve inicio no capítulo 3. O problema para manter esta assertiva é quando se olha para o verso 25 do capítulo 7. Paulo vinha mostrando as armadilhas do pecado e, apesar de todas elas, ele pode agradecer por Cristo. Por que isto? Exatamente é o que ele responde no verso 1: “Não há nenhuma condenação para os que estão em Cristo Jesus” através da obra do Espírito.