segunda-feira, 1 de novembro de 2010

SOFRIMENTOS: DISCIPLINA E EDUCAÇÃO

 Hebreus 12:4-11

O pecado é algo que está inserido no coração do homem. O autor faz questão de lembrar isto e recordar que Jesus nos limpa de nossos pecados. O sofrimento entra no mundo como consequência do pecado. Não quer dizer que seja consequência do meu ou do seu pecado, mas é uma consequência da própria existência dele. É um preâmbulo do salário que é a morte (Rm 6:23).
Hoje muitos cristãos têm sido ensinados de que após a conversão não podemos mais sofrer. Que após a experiência com Jesus não podemos sofrer nada da consequência do pecado. Ledo engano. As consequências do pecado original continuam sobre nós da mesma forma que a morte. Se fosse verdade que não podemos mais sofrer, também seria que não poderíamos morrer.
A realidade do pecado é tão grande na vida do crente que o autor começa mostrando que seus leitores ainda não tinha sofrido tudo que poderia ocorrer (Hb 12:4). Ele mostra que a morte é o maior sofrimento que alguém pode ter pelo amor a Deus na luta contra o pecado.