sexta-feira, 23 de novembro de 2012

APRENDENDO COM UM DEUS MAJESTOSO

Lucas 1:26-38

26 E, no sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré,
27 a uma virgem desposada com um varão cujo nome era José, da casa de Davi; e o nome da virgem era Maria.
28 E, entrando o anjo onde ela estava, disse: Salve, agraciada; o Senhor é contigo; bendita és tu entre as mulheres.
29 E, vendo-o ela, turbou-se muito com aquelas palavras e considerava que saudação seria esta.
30 Disse-lhe, então, o anjo: Maria, não temas, porque achaste graça diante de Deus,
31 E eis que em teu ventre conceberás, e darás à luz um filho, e pôr-lhe-ás o nome de Jesus.
32 Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo; e o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai,
33 e reinará eternamente na casa de Jacó, e o seu Reino não terá fim.
34 E disse Maria ao anjo: Como se fará isso, visto que não conheço varão?
35 E, respondendo o anjo, disse-lhe: Descerá sobre ti o Espírito Santo, e a virtude do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra; pelo que também o Santo, que de ti há de nascer, será chamado Filho de Deus.
36 E eis que também Isabel, tua prima, concebeu um filho em sua velhice; e é este o sexto mês para aquela que era chamada estéril.
37 Porque para Deus nada é impossível.
38 Disse, então, Maria: Eis aqui a serva do Senhor; cumpra-se em mim segundo a tua palavra. E o anjo ausentou-se dela.

Depois que Gabriel anunciou o nascimento de João Batista, passou-se seis meses e o mesmo anjo foi anunciar a outra mulher um nascimento muito especial. Aquele que seria o motivo da vida e morte de João estava por vir, Jesus Cristo.
Jesus é a promessa dos profetas desde a antiguidade (Mq 5:2). É o ungido que viria para edificar Israel (Dn 9:25). Ele é o profeta prometido que viria para ocupar o lugar de Moisés (Dt 18:15). Ele é o Maravilhoso Conselheiro, o Deus Forte, o Pai da Eternidade, o Príncipe da Paz, cujo principado e a paz nunca terão fim (Is 9:6,7). 
Diante de tudo isto Gabriel anuncia o nascimento de Jesus para sua futura mãe neste mundo. Deste diálogo profético podemos aprender algumas coisas.

1.               Deus nos ensina humildade (v. 26)

“E, no sexto mês, foi o anjo Gabriel enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré”

O nascimento de Jesus foi anunciado em Nazaré, que era uma cidade simples. Nasceria em um povoado de sua época, Belém; em uma família simples; de uma mulher como outra qualquer, porém virgem como símbolo de sua pureza, pois seria o Deus conosco, Emanuel (Is 7:14).
Nazaré era uma cidade pequena do interior de Judá. Não tinha grandes coisas e nem mesmo profeta viera de lá (Jo 1:46). No texto citado Natanael questiona se de Nazaré poderia vir alguma coisa boa. Hoje ela é uma cidade com aproximadamente 70.000 habitantes, e capital do Distrito do Norte de Israel, sua fama parece que ajudou em seu desenvolvimento.