terça-feira, 2 de abril de 2013

A CHEGADA DO REINO DOS CÉUS



Marcos 1:1-8 (Ref.: Mt 3:1-12; Lc 3.1-18)

1 Princípio do evangelho de Jesus Cristo, Filho de Deus.
2 Como está escrito no profeta Isaías: Eis que eu envio o meu anjo ante a tua face, o qual preparará o teu caminho diante de ti.
3 Voz do que clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as suas veredas.
4 Apareceu João batizando no deserto e pregando o batismo de arrependimento, para remissão de pecados.
5 E toda a província da Judéia e todos os habitantes de Jerusalém iam ter com ele; e todos eram batizados por ele no rio Jordão, confessando os seus pecados.
6 E João andava vestido de pêlos de camelo e com um cinto de couro em redor de seus lombos, e comia gafanhotos e mel silvestre,
7 e pregava, dizendo: Após mim vem aquele que é mais forte do que eu, do qual não sou digno de, abaixando-me, desatar a correia das sandálias.
8 Eu, em verdade, tenho-vos batizado com água; ele, porém, vos batizará com o Espírito Santo.

Segundo estudiosos o evangelho de Marcos serviu como base para os outros, inclusive João. Apesar disso ele é o mais resumido de todos e o mais simples, porém não menos importante. O texto que lemos repete-se em Mateus e Lucas. Estaremos extraindo ensinos das três passagens paralelas.
Após o fato ocorrido aos doze anos não se tem mais notícia de Jesus. De João Batista nada é destacado, nem mesmo sua infância. Ele era seis meses mais velho que Jesus, mas tudo indica que começou a pregar mais cedo do o Mestre.
Marcos e Mateus destacam que João andava de forma humilde e se alimentava de gafanhotos. Lucas não entra neste mérito.